Você precisa ser a mudança que quer ver no mundo - Gandhi
Monitores

Denise Bittencourt Amador (Potô)

“Sou fundadora e coordenadora do Projeto Arte na Terra de educação ambiental na Fazenda São Luiz. Formada em Biologia pela UFRRJ – RJ, fiz mestrado em Ciências florestais na ESALQ-USP. Sou ambientalista desde criança seguindo os caminhos do meu pai, defensor da Baía de Guanabara e seus povos e grande admirador da natureza. Participei intensamente do Fórum Global Rio 92 e sempre busquei meios de trabalhar unindo gente e ambiente. Fiz teatro por muitos anos e trago na veia a paixão por esta arte. Sou fellow da turma 9 do programa LEAD (Programa de lideranças em meio ambiente e desenvolvimento sustentável).
Atualmente, além do Arte na Terra, atuo apaixonadamente na ONG Mutirão Agroflorestal, da qual faço parte desde a fundação em 2004, e sou professora do curso de agronomia da Faculdade Francisco Maeda, FAFRAM, em Ituverava, SP. Minha atuação tem se dado principalmente nas áreas de educação ambiental e agrofloresta. Moro na Fazenda São Luiz onde tenho o privilégio de viver com meu marido Rodrigo e criar três filhos numa natureza abençoada!”



Ana

Ana é artista e traz muita alegria para os dias de campo na fazenda. Dança, canta, toca e anima a turma para o contato com a natureza. Mãezona de Luara e Solara!


Ulisses

Ulisses é ator, educador, artista, múltiplo! Traz a arte e encanta no Arte na Terra!


Jordana Lorenzato

“Meu nome é Jordana, sou graduada no curso de Ciências Biológicas do Centro Universitário Barão de Mauá. Desde pequena sou apaixonada pela natureza, por isso escolhi a Biologia. Trabalhei um ano como estagiária no Bosque e Zoo Fábio Barreto com educação ambiental e aves, logo após sair do Zoo fiz um estágio na ESALQ no grupo florestal Monte Olimpo, onde fiquei um mês trabalhando com florestas nativas. Conheci a fazenda São Luiz em julho de 2011, me apaixonei pelo lugar, pessoas e pela educação ambiental. Hoje atuo como monitora na fazenda e também em uma empresa (PROJAM) e nas horas vagas sou fotógrafa da natureza!”


Marcella Laguna Fazan

"Bióloga e educadora ambiental com muito amor!
Vejo sorrisos libertadores ao trabalhar o contato com a terra, onde consequentemente, o olhar se atenta aos seres, ao sol, à água, ao respeito, ao despertar, à criticidade, ao experienciar... E assim, sentir-se parte da Mãe Natureza, observando, se integrando e aprendendo com Ela.
Por que nos distanciamos tanto?
O que estamos fazendo com o nosso solo e nossa água? Quais são as consequências disso?
O que alimentamos quando nos alimentamos?
Sejam bem-vindos à Fazenda São Luiz e ao Projeto Arte na Terra! :) "


Juliana Assunção Hernandez

“Sou bióloga, formada pelo Centro Universitário Barão de Mauá em 2011. Ser bióloga não é apenas uma formação, e sim uma forma de viver. Desde pequena sou muito próxima dos animais e para fazer algo a mais por eles teria que pensar no conjunto, repensar as nossas relações sociais e proteger nosso meio natural. Durante minha formação acadêmica me encantei pela educação e hoje enxergo qualquer espaço como um ambiente educador. Por isso atuo em diversos lugares como ONGs, escolas, coletivos, empresas, festas e outros eventos, tentando sempre fazer uma troca de experiências e compartilhar com os demais esta forma de viver em harmonia conosco e com a natureza. Conheci o “Arte na Terra” em 2010, o ambiente privilegiado aliado à abordagem do projeto proporciona momentos de contemplação e reflexão, imprescindíveis para este processo de reeducação. Nele, sinto que um mundo mais coletivo já existe, e faz muito mais sentido! Tenho muita satisfação de fazer parte desta equipe de amor e luz!”


Reinaldo Romero

Educador ambiental, mobilizador popular, turismólogo e ator.


Rodrigo Junqueira Barbosa de Campos

“Sou agrônomo de formação e um eterno aprendiz na arte de plantar e colher. Sigo a herança do cuidar da terra de uma família corajosa. Administro e coordeno esta fazenda que caminha na direção da produção orgânica. Este lugar se formou graças a muito trabalho, dedicação e suor de muitas vidas, homens e mulheres. A natureza também foi generosa presenteando este lugar com água e muita biodiversidade. O Arte na Terra veio para coroar este pedaço de terra e de história. Principalmente quando passamos um dia com as crianças e posso me transformar num contador de histórias. Atuo na ONG Mutirão Agroflorestal, esta grande família me dá muita força e perseverança na transformação da monocultura em agrofloresta e do indivíduo em família. Fico mais feliz ainda em criar nossos três filhos na “roça”, poder oferecer para eles o que eu tinha nas férias quando vinha para cá: liberdade.”


Vanessa Bonfim

“Meu nome é Vanessa, sou graduada em Ciências Biológicas desde 2005 e pós-graduada em Ciência Ambiental com ênfase em Gestão e em Educação Ambiental e Desenvolvimento Sustentável, atualmente estudante de Pedagogia. É com muito apreço, que sou docente desde 2007 da rede pública e particular de ensino. Leciono Biologia no ensino médio e Ciências e Educação Ambiental no ensino fundamental II. Do projeto Arte na Terra, sou monitora-educadora e admiradora. É no meu quintal, no meu trabalho e no meu dia-dia que tento plantar sementes com a esperança de que venham a florescer colorindo caminhos.”


Gustavo Barros Alcântara

“Apelido: Tropeço Formação: Biólogo pela Universidade de São Paulo - Ribeirão Preto. Especialista em Educação Ambiental. Especialista em Educação em Valores Humanos. Profissão: Professor de Ciências Educador Ambiental Gosto muito de trabalhar com as crianças, pois elas conseguem ser sinceras, felizes e prontas para cada momento da vida que se segue. Elas não precisam de muita explicação, conseguem estar sempre muito vivas e confiantes. Todos os dias aprendo com elas. E para trabalhar com crianças, antes de tudo é preciso aprender a amá-las. Sathya Sai Baba diz: "Iniciem o dia com amor. Vivam o dia com amor. Preencham o dia com amor. Terminem o dia com amor. Esse é o caminho para Deus." “


Anayra Giacomelli Lamas

“Meu nome é Anayra Lamas, tenho 23 anos. Desde que me lembre, sou uma pessoa sonhadora e idealista. Sempre sonhei com um mundo melhor, com um planeta e com seres humanos mais saudáveis, em todos os sentidos da palavra. Sempre tive vontade de trabalhar com crianças e de estudar Biologia. Encontrei na Educação uma forma de atingir os meus sonhos. Iniciei meu trabalho como educadora aos 13 anos auxiliando as atividades em uma creche, onde podia ajudar crianças carentes dando-lhes amor, carinho e atenção. Na faculdade de Ciências Biológicas (USP-RP) comecei a dar aulas de Gramática e de Biologia no cursinho popular PEIC, que foi uma grande escola para mim e que me motivou a acreditar mais ainda nos meus sonhos e no poder de transformação que a Educação tem. Há dois anos trabalho com Educação Ambiental e com Estudo do Meio. No início de 2009 conheci o Projeto Arte na Terra que me adotou como monitora e colaboradora de seus trabalhos. Não há como não se apaixonar pelo trabalho desenvolvido na Fazenda São Luiz. As pessoas que ali vivem e o lugar são simplesmente encantadores. Não há como não se sentir bem trabalhando em um lugar como este, que nos faz acreditar a cada dia mais nos nossos ideais!”


Dhyana Nagy Teodoro (Jady)

“Sou estudante do último ano do curso de Pedagogia da USP-RP Faculdade de Filosofia Ciências e Letras, Monitora ambiental pelo Centro Paula Souza. Durante meu percurso de faculdade sempre trabalhei em projetos relacionados com educação e também trabalhei como estagiária, no programa “Ambiente é o meio” da Radio USP- RP, relacionado com a educação ambiental especificamente. Morei grande parte da minha vida numa cidade pequena do interior de SP, cercada de muita natureza, o que despertou meu amor por ela desde cedo, quando decidi trabalhar pra ajudar a natureza. Cresci com essa ideia e o amor à vida e às pessoas é que me moveram para o campo da educação ambiental. Tive o grande privilégio de conhecer a Fazenda São Luiz e o projeto Arte na Terra, projeto no qual estou desde 2009 e pretendo estar sempre, num processo contínuo de dar e receber conhecimentos, vivências e amor, podendo trazer minha contribuição para um mundo mais igualitário e fraterno onde as pessoas respeitem e sintam sua ligação com a natureza”.


Tiago Juan




Gustavo Massaro Onusic

“Meu nome é Gustavo, tive o privilégio de poder estar contato com a natureza desde a infância, buscando sempre compreender e respeitar nossa mãe terra e todos os seres. Sou Psicólogo, bacharel e licenciado em Psicologia pela Universidade Paulista (UNIP) desde 2004. Possuo Mestrado e Doutorado em Psicobiologia (neurociências) pela Faculdade de Filosofia Ciências e letras de Ribeirão Preto (USP-RP) e atuo como Monitor-Educador Ambiental no projeto Arte na Terra desde 2008. Presto serviços como monitor - educador ambiental em diversas empresas, bem como sou facilitador de formação, treinamento e capacitação, voluntário, de professores em instituições de ensino. Trabalho com crianças, adolescentes, adultos e terceira idade. Mas na verdade, como gosto de dizer, não existe idade para aprender e ensinar.”


Edna Costa do Sim

“Bióloga, especialista em gestão ambiental, iniciei os estudos sobre educação ambiental ainda na graduação motivada por visitas ao Cerrado e Mata Atlântica e diante do desejo de contribuir de alguma forma para a continuidade desses biomas. Fui docente no Senac Ribeirão Preto em três ocasiões trabalhando na área de Responsabilidade Ambiental com os adolescentes aprendizes do comércio de bens e serviços. Por volta de 2007 fui acolhida no Projeto Arte na Terra, o que me trouxe muitos aprendizados sobre o cuidado com a terra e a relação do homem do campo. Através dos estudos sobre redes, procuro contribuir com as articulações da REPEA (Rede Paulista de Educação Ambiental), REBEA (Rede Brasileira de Educação Ambiental) e coletivos educadores. Desde 2009 participo das atividades e estudos da Oca – Laboratório de Educação e Política Ambiental (ESALQ/USP). Nas minhas atuações utilizo jogos cooperativos e danças circulares que, por suas características agregadoras, proporcionam processos coletivos, a horizontalidade, a harmonização, o respeito e o cuidado com o próximo. Sou vegetariana desde 2002, faço aulas de danças circulares sagradas, viciada em livros, apreciadora de cinema, música erudita, rock’n roll e fotografia. Acredito que a educação ambiental através de seus processos educadores acarreta mudanças profundas no ser humano no contexto socioambiental tornando, com isso, as pessoas mais felizes.”


Duda Brandani

"Ola meu nome é Eduarda carinhosamente chamada de Duda, tenho 27 anos e sou Educadora Física.
Sempre adorei estar em contato com a natureza, observar e me relacionar com os animais, tomar banho de cachoeira e comer a fruta do pé. Sinto que os jovens hoje em dia não tem muitas oportunidades de conviver com o meio ambiente natural, por isso atualmente venho desenvolvendo um olhar recreacionista voltado para a Educação Ambiental, pois acredito que as vivencias e brincadeiras em contato com a natureza podem ser uma maneira interessante e divertida para se perceber a importância do meio ambiente natural para os seres humanos e todos os outros seres que dependem dele."


Marisa Sartori Vieira

“Sou pedagoga e educadora ambiental. Atuo no Projeto Arte na Terra desde 2011, também estudo e trabalho processos formativos em Educação Ambiental em muitos outros espaços, como coletivos educadores e redes em Ribeirão Preto-SP desde 2007. Me encanto com a diversidade natural, com o colorido da cultura popular brasileira, com a dança, fotografia e com as pessoas (grandes responsáveis por nossa aprendizagem). “Simplesmente, não posso pensar pelos outros nem para os outros, nem sem os outros” - Paulo Freire.”


Fernanda Meneguzzo Beneduzi

“Sou Bióloga, formada pela Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras de Ribeirão Preto - USP. Fiz o Curso de Agrofloresta na Fazenda São Luiz, Curso de Olericultura Orgânica pelo SENAR, Curso de Introdução à Jardinagem e Paisagismo a atualmente o curso de Jardinagem, ambos pelo SENAC. Atuo como educadora ambiental na Fazenda São Luiz e na OSCIP Estação Luz, em Ribeirão Preto. Desde criança pequena, sempre gostei muito de plantar, e sempre gostei muito da vivência com as crianças. Hoje, como criança adulta, estou encontrando meu lugar no mundo e sei que uma de minhas funções é plantar. Foi na Fazenda São Luiz que este meu amor foi redespertado e ressignificado, sendo parte de um processo de autoconhecimento e realização. Fico muito feliz em poder ser parte desta equipe e de poder presenciar este momento mágico de encontro com a natureza na vida de outras pessoas.”


Lucas José Bevilaqua

“Nasci e cresci em uma chácara em São Simão, e devido ao forte contato com a natureza, escolhi a Biologia como profissão. Na faculdade (USP- RP), tive a oportunidade de participar durante dois anos como professor voluntário do PEIC (Projeto de Ensino Interdisciplinar Comunitário), uma experiência transformadora na minha ideia de educação. Tenho uma grande admiração pelos povos camponeses e povos da floresta, especialmente os indígenas, por viverem em harmonia com a natureza. Ainda na faculdade, escolhi trabalhar com Etnobotânica, pois queria estudar o conhecimento ancestral sobre as plantas. Assim, desde 2011 tenho vivido intensamente com os agricultores do Assentamento Agroecológico Sepé Tiarajú. No Sepé conheci e me encantei pela Agrofloresta, e pouco tempo depois conheci a fazenda São Luiz, onde aprendi e continuo aprendendo muito sobre esta forma de produzir alimentos imitando a natureza. Apesar de ter ainda muito o que aprender, me considero um agrofloresteiro, e hoje, plantar se tornou uma atividade diária em minha vida. Desde 2011 trabalho na fazenda São Luiz como monitor do Arte na Terra, um projeto belíssimo de educação ambiental que desperta o amor pela Mãe Terra em todos que participam.
"Queremos que a floresta permaneça silenciosa, que o céu continue claro, que a escuridão da noite caia realmente e que se possam ver as estrelas." (Davi Yanomami ; pajé e líder do povo Yanomami).”



(16) 3859.8006
contato@fazendasaoluiz.com
São Joaquim da Barra-SP
Veja a localização da Fazenda
 
Preencha o formulário abaixo e receba em seu e-mail as novidades da Fazenda São Luiz

Nome:
Email: